A Catarina partiu

A Catarina partiu
Deixa-nos a recordação de uma mulher de armas, uma guerreira na vida, um ser humano dos BONS
Deixa-nos a memória da paixão com que vivia cada momento, da energia que irradiava, do otimismo que transmitia, da ENTREGA que se notava
Ela estava na dianteira, na linha da frente de todas as batalhas, ela posicionava-se na frente de combate e vestia-se de uma coragem insaciável!
É imperdoável que a VIDA a tenha traído de forma tão brusca, tão cruel, tão irreversível!

A Catarina partiu
A saudade aperta… saudade daquela colega radiante, daquele espírito apaixonante, daquela iniciativa e pro-actividade invejável, daquela assertividade e clarividência com que sempre se afirmava! Uma força, uma garra, uma determinação notável!

A Catarina partiu
A saudade aperta…
Num momento tudo mudou…
Num momento somos fortes, parecemos invencíveis… de repente percebemos da forma mais cruel como somos frágeis, como somos tão vulneráveis, como a certeza da finitude pode chegar sem aviso de forma inexoravelmente irreversível…

A Catarina partiu…
A saudade aperta…
Num momento tudo mudou…
Todos ficamos mais pobres…
Todos perdemos, todos sentimos, todos choramos
Todos a quem a vida deu a oportunidade e o privilégio de se apaixonar por ela vimos partir neste dia um pouco de nós
Porque ela contagiava, porque ela era tudo o que podia para quem com ela estava!

A Catarina partiu
A saudade aperta…
Num momento tudo mudou…
Todos ficamos mais pobres…
Mas a Catarina fica!
Fica em cada um de nós que a conheceu
Fica em cada dia que partilhamos com ela
Fica em cada memória daquele sorriso, daquela voz só dela, inconfundível
Porque ela era daquelas que não se esquece
Porque ela era daquelas que marca
Porque ela era uma gastrenterologista de mão cheia, uma ecoendoscopista ímpar, uma colega incrivel, mas acima de tudo uma AMIGA PARA SEMPRE!

A vida foi inaceitavelmente curta mas a memória da Catarina perdurará para todo o sempre em cada um de nós.

A equipa do CPP está de luto
Sem aviso ou precedente perdemos MUITO
A dor é imensa num sentimento partilhado
Mas a Catarina FICA
A Catarina ESTÁ
A Catarina VIVE e VIVERÁ em qualquer reunião, em cada projeto, em cada linha de todas as atas que se escreveram e vão escrever!
A Catarina fica connosco SEMPRE!

PS:
No último email partilhado no CPP, já doente mas sempre preocupada entusiasta e motivada com os assuntos pancreáticos, ela dizia a propósito de algo:
FOMOS UNS VISIONÁRIOS!
E é assim que será recordada!

Fica-nos a recordação DELA
Tão SÓ O BASTANTE para nos encher de VIDA, DE ALEGRIA, DE COR e DE LUZ
PORQUE DAVA GOSTO VÊ-LA VIVER!

À família endereçamos os nossos sentidos pêsames.

Até sempre Catarina.

Ana Caldeira
(Presidente do Clube Português do Pâncreas, em nome de toda a equipa)