Covirán otimiza sua frota de transporte para reduzir as emissões poluentes geradas por sua atividade

Ao longo da última década, a Covirán aperfeiçoou o modelo de transporte de cargas ao introduzir um sistema de monitoramento e controle que melhorou a distribuição e entrega de pedidos aos seus parceiros, reduzir as viagens e, portanto, as emissões de CO2.

A Cooperativa trabalha com uma frota de 170 veículos fixos e temporários cobrindo 45.000 quilômetros por dia, na sua maioria viagens muito curtas graças à capilaridade da rede logística composta por 29 plataformas espalhadas por Espanha e Portugal.



A incorporação de veículos não poluentesentre os quais um caminhão ecológico com tanque de gás liquefeito que percorre o Levante espanhol, além do uso de transporte elétrico para distribuição às lojas parceiras, contribuiu para economizar combustível e minimizar o impacto ambiental causado pelas viagens na rodovia.

Na opinião do CEO da Covirán, José Francisco Muñoz, grande parte do sucesso está na incorporação de tecnologia para o planejamento e controle das operações da rede de abastecimento.

“As novas tecnologias também desempenham um papel essencial na logística, onde a Covirán não quer ficar para trás. É por isso que, nos últimos anos, foram tomadas medidas para melhorar o planejamento de demanda, rastreabilidade de ccadeia de abastecimento e digitalização dos transportes. Há alguns anos, um programa de telemática é usado no sistema de gestão de frotas de transporte que aumenta a eficiência e reduz os custos”, esclareceu Muñoz, coincidindo com a Semana Europeia da Mobilidade e o Dia Mundial Sem Carro.

Atualmente, os 83% dos parceiros aderiram a um modelo de pagamento conforme o uso que encurta os prazos de entrega e reduz os custos nas plataformas logísticas. 78% das mercadorias são entregues no ponto de venda antes das 12h e esse percentual sobe para 92% se o horário for estendido até as 14h.

Melhor utilização da carga

Outro fator determinante está relacionado à melhoria realizada para otimizar o carregamento dos caminhões com o objetivo de aproveitar ao máximo o espaço destinado ao transporte de mercadorias e realizar menos viagens. Em geral, 90% da área de carga do caminhão é ocupada em cada viagem, o que exige um sistema eficiente de planejamento e distribuição.

Como parte da política de mobilidade sustentável da Cooperativa, destaca-se a aliança mantida com fornecedores locais. 90% das compras de produtos frescos (frutas, legumes e carnes) são realizadas diretamente aos produtores locais, o que reduz a pegada de carbono gerada pelo transporte rodoviário e gerada a cada encomenda.

O objetivo para o futuro imediato é continuar a progredir prestando um melhor serviço ao associado, otimizando a cadeia de abastecimento e cuidando de todos os aspetos relacionados com o processo de armazenamento, carga e descarga, transporte, distribuição e reciclagem de resíduos.

Filomena Varela

"Desbravador do bacon. Geek da cultura pop. Ninja do álcool em geral. Defensor certificado da web."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.