Grupo CaixaBank abre primeira sucursal do metaverso Banco BPI em Portugal

o metaverso veio para ficar e o CaixaBank começa a ver os frutos do seu investimento na produção dos seus serviços aplicados ao metaverso proporcionado ao banco de investimento português (BPI) de uma agência neste novo ambiente virtual.

BPI inaugura o BPI VR Office, o seu primeiro escritório de realidade virtual (VR) e o primeiro escritório de banca virtual do Grupo CaixaBank, além disso o BPI torna-se também o banco pioneiro em Portugal ao oferecer uma experiência imersiva de apresentação de serviços bancários e contacto com o cliente no mundo virtual.

O metaverso BPI foi desenvolvido pelo Centro de Excelência para a Inovação e Novas Profissões BPI, que foi criado este ano e com objectivos claros e ambiciosos onde se concentrará na promoção de ecossistemas colaborativos que facilitem e acelerem a implementação de oportunidades de negócios em áreas como open banking, finanças sustentáveis ​​(ESG), metaverso / Web 3.0 e finanças descentralizadas (DeFi).

De acordo com Liberarpara interagir com o metaverso do BPI, o banco português vai disponibilizar equipamento de Realidade Virtual, o famoso Óculos meta virtuais chamados Oculus, em mais de 100 escritórios em Portugal para que os clientes possam visitar o Escritório BPI VR. Os clientes poderão visitar os dois pisos virtuais das instalações e conhecer a oferta do BPI (incluindo simuladores de poupança, produtos de crédito à habitação, crédito pessoal, etc.). Da mesma forma, o usuário terá recursos de entretenimento como um jogo virtual de minigolfe.

Os clientes que já possuam este equipamento de realidade virtual em casa poderão também aceder ao ambiente de trabalho imersivo do BPI fazendo o download do BPI VR diretamente através da loja de aplicações dos seus dispositivos, importa referir que estima-se que a plataforma Oculus Quest Store tenha 200 milhões de usuários em todo o mundo.

Francisco Barberira, Administrador do BPI, destacou como o metaverso pode ser a plataforma para o novo banco digital do futuro:

“Acreditamos que a forma como convivemos com as plataformas digitais será muito mais imersiva no futuro, e desta forma queremos ser pioneiros numa nova forma de interagir com os nossos clientes, que estão no centro da nossa atividade. Acreditamos que no futuro pode se tornar uma verdadeira plataforma de banco digital.

CaixaBank investe em derivativos do universo cripto

A aposta do CaixaBank neste setor é evidente e começou a dar frutos com novos desenvolvimentos, por exemplo ser selecionado participar em desenvolvimento do euro digital com a Amazon e entre outras empresas relevantes.

CaixaBank

Há apenas 3 meses, Aigües de Barcelona e CaixaBank realizaram um teste bem sucedido, testando assim interoperabilidade entre diferentes redes cadeia de blocos e padrões de identidade digital soberana Através dos canal de vídeo.

Em abril, no que diz respeito ao metaverso, o grupo CaixaBank criou o ImagineLANDO espaço metaverso da Imaginan, que se tornou o primeiro fintech União Europeia com presença ativa no mundo virtual.

No fim do ano 2021Onyze, empresa custodiante de criptomoedasfoi selecionado para desenvolver um serviço de negociação de criptomoedascomo parte de seu programa de inovação chamado insônia.

Isenção de responsabilidade

Todas as informações contidas em nosso site são publicadas de boa fé e apenas para fins de informação geral. Qualquer ação que o leitor tome nas informações encontradas em nosso site é estritamente por sua conta e risco.

Filipa Câmara

"Estudante. Fanático apaixonado por álcool. Praticante de TV. Desbravador do Twitter. Solucionador de problemas."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *