Marcus Cooper, na final do K1 500 com o melhor tempo

05/08/2022 às 17:57

é


As Baleares vão buscar mais uma medalha da Copa do Mundo neste sábado para somar seu oitavo

No C2 500m feminino, María Moreno e María Prats ficaram sem opções para chegar à final

O espanhol Marcus Cooper Walz vai lutar pelo título do Campeonato do Mundo de Sprint K1 500 em Halifax (Canadá), depois de ter feito o melhor tempo nas meias-finais de sexta-feira durante o terceiro dia de competição.

O espanhol terminou em primeiro na primeira semifinal com um tempo de 1m41s89, seguido por 0s79 do alemão Jakob Thordsen (1m42s68). O português Fernando Pimenta venceu a segunda semifinal (1m42s78) e o australiano Jean Westhuyzen (1min42s02) na terceira.

Com este resultado, Cooper vai optar neste sábado por mais uma medalha da Copa do Mundo para somar a oitava, após as medalhas de ouro obtidas no ano passado em K2 500 em Copenhaga e Racice (República Checa) 2017, as medalhas de prata em K4 500 em Szeged (Hungria) 2019, Race 2017 e Montemor-o-Velho (Portugal) 2018 e em K2 500 em Milão 2015, além de bronze no K1 500 em Moscou em 2014.

O remador de 27 anos também acrescenta ao seu recorde de prata nos K4 500m nas Olimpíadas de Tóquio com Saúl Craviotto, Carlos Arévalo e Rodrigo Germadepara se juntar à conquistada durante o evento K1 1000 no Rio de Janeiro 2016.

No C2 500 feminino, María Moreno e María Prats ficaram sem opções para chegar à final, terminando em quinto na semi (2m12s24), 4s64 atrás das canadenses Katie Vincent e Sloan Mackenzie.

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.