Ministério Público obteve prisão preventiva de motorista por grave acidente de trânsito – RÁDIO MARAY

Segundo os argumentos do promotor ou promotores de Freirina, Nicolás Meléndez, o réu dirigiu um caminhão embriagado em setores da praia da enseada de Chañaral de Aceituno..

O Ministério Público de Atacama formalizou a investigação contra um réu envolvido em um acidente de trânsito que deixou o passageiro de um caminhão que capotou na área da praia de Caleta Chañaral de Aceituno com graves consequências.

Os factos que são objecto deste caso estão a ser investigados pelo procurador ou procuradores de Freirina, Nicolás Meléndez, que indicou que por volta das 19 horas do dia 31 de julho, o arguido de nacionalidade portuguesa conduzia um camião com três pessoas, orientam o veículo em estado de embriaguez.

“Foi nesta condição que o réu tentou realizar uma manobra completamente imprudente, ação que ocasionou o capotamento do veículo no local, provocando a ejeção de uma mulher que segurava o celular, sofrendo ferimentos diagnosticados como gravíssimos que , de acordo com o parecer médico, terá consequências para toda a vida quando a vítima sofrer de paraplegia”, especificou o promotor.

De acordo com as declarações do promotor Meléndez, que realizou a investigação deste caso com a equipe do PDI de Vallenar, os fatos, a dinâmica e a identidade do responsável pela condução do veículo no momento do acidente poderiam ser determinado. Antecedente de que um princípio havia sido omitido por testemunhas desse fato. Com base nisso, o Ministério Público requereu ao tribunal um mandado de prisão contra o motorista, que foi apresentado nesta quinta-feira no Tribunal de Garantia Freirina, ocasião em que foi formalizado por sua participação consumada no crime de dirigir embriagado resultando em gravíssima lesões.

Assim, diante da gravidade do crime e das consequências sofridas pela vítima, o promotor Nicolás Meléndez solicitou a prisão preventiva do detento, medida cautelar que foi decretada pelo juiz de plantão que fixou o prazo de 120 dias para o término a pesquisa.

Cristiano Cunha

"Fã de comida premiada. Organizador freelance. Ninja de bacon. Desbravador de viagens. Entusiasta de música. Fanático por mídia social."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *