Portugal e Cristiano jogam contra Gana

Com muito a provar depois de seus recentes fiascos, Portugal estreia hoje (12h00 no horário boliviano) na Copa do Mundo contra Gana, envolvido na disputa entre a estrela Cristiano Ronaldo e o Manchester United, finalmente resolvido por um divórcio repentino.

O “CR7”, em plena escalada do seu confronto com o treinador Erik Ten Hag e os dirigentes dos “red devils”, rescindiu contrato 48 horas após a estreia de Portugal e vai agora exibir-se na maior montra do futebol em busca de um novo destino.

“Sinto que chegou a hora de buscar um novo desafio”, disse adeus Ronaldo, de 37 anos.

O ex-atacante do Real Madrid, que deseja continuar jogando além dos 40 anos, enfrentará a quinta Copa do Mundo de sua carreira como agente livre, com motivação adicional para mostrar que tem mais futebol do que tem. sua segunda passagem por Old Trafford.

Resolver o caso e acabar com os gestos e declarações explosivas do capitão pode aliviar a tensão em torno da seleção portuguesa, que já tem sua própria dose de pressão para corresponder às expectativas.

Ao contrário de outras seleções, Portugal conta com um conjunto de jovens talentos (João Félix, Rafael Leão ou Nuno Mendes) para substituir a médio prazo figuras como Ronaldo, Pepe ou Bernardo Silva.

A mistura não deu muito certo, no entanto, e os recentes maus resultados destruíram as ilusões da ‘Seleção’ de chegar a uma final de Copa do Mundo pela primeira vez.

Portugal caiu nos oitavos-de-final tanto na Rússia 2018, frente ao Uruguai, como na Taça dos Campeões Europeus em 2021, frente à Bélgica, enquanto na Liga das Nações perdeu em setembro frente à Espanha, em casa, na luta por um lugar na próxima ‘Fin. 4’.

Antes da revanche contra o Uruguai, Portugal vai começar no Catar contra Gana em um Grupo H que completa a Coreia do Sul.

Embora os sentimentos tenham melhorado nos dois últimos amistosos contra Suíça e Nicarágua, os “Black Stars” (Estrelas Negras) não brilharam no caminho para sua quarta Copa do Mundo.

A passagem foi selada no empate contra a Nigéria, em que empatou as duas partidas e se classificou com gols fora de casa.

O técnico Otto Addo conta com a direção de jogo de Thomas Partey, líder do Arsenal, líder da Premier League, e do potencial de contra-ataque de um atacante com os irmãos André e Jordan Ayew e o atacante Iñaki Williams, do Athletic Bilbao.


Se você quiser mais informações, você pode se inscrever em nossos canais oficiais:

Você também pode nos visitar em Facebook | Twitter | Instagram

Alex Gouveia

"Estudioso devoto da internet. Geek profissional de álcool. Entusiasta de cerveja. Guru da cultura pop. Especialista em TV. Viciado em mídia social irritantemente humilde."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *