Segura de León celebra a primeira edição do seu festival de documentários

A Associação Cultural El Bujío, com a colaboração, apoio e patrocínio do Exmo. A Câmara Municipal de Segura de León e o Conselho Provincial de Badajoz organizaram a primeira edição do Festival Internacional de Documentário Oyola Fabián, OFFCINEDOC. É comemorado de 22 de agosto até este sábado na place d’armes do Castelo Medieval da cidade.

O Festival é apresentado como condolências e homenagem pela morte de Andrés Oyola Fabián, renomado humanista e historiador da Extremadura, pesquisador incansável e cronista oficial da cidade onde nasceu, à qual deixou um patrimônio cultural incalculável e um vácuo intelectual insubstituível, informou a associação organizadora do evento.

Foram recebidos 195 audiovisuais na forma de longas e curtas-metragens desde março passado, quando a chamada foi aberta. Foram recebidos trabalhos da Argentina, Chile, Peru, México, Estados Unidos, Portugal, França, Espanha, Inglaterra, Rússia, Senegal, Egito e Birmânia. O tema, muito diversificado, desde o ambiente e a natureza, ao cinema experimental, passando pelo desporto e gastronomia, entre outros.

O júri finalmente selecionou 30 filmes, que são exibidos durante esses dias de festival.

Existem vários prémios que variam entre os 250 euros e os 1.000 euros para o melhor documentário.

Cristiano Cunha

"Fã de comida premiada. Organizador freelance. Ninja de bacon. Desbravador de viagens. Entusiasta de música. Fanático por mídia social."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.