A imprensa italiana e portuguesa se volta para Ayuso e sua política em Madri

Mais uma vez, a imprensa internacional está cheia de elogios ao presidente regional da Comunidade de Madrid, Isabelle Diaz Ayuso. Desta vez, os jornais italianos e portugueses apresentam algumas das iniciativas de Ayuso em Madrid nas suas primeiras páginas.

Assim, o jornal português ‘Nascer do sol’, recolhe uma entrevista com o presidente regional e intitula a capa com estas palavras, que se referem à possibilidade de Ayuso se tornar presidente da Espanha no futuro:

“Para uma mulher ser primeira-ministra na Espanha, terá que ser por seus méritos e qualidades, não por ser mulher.”

Já dentro do jornal, já com duas páginas, ele aponta a necessidade, segundo Díaz Ayuso, de sair urgentemente do socialismo. “O próximo presidente da Espanha será Núñez Feijóo”, disse. E sublinha o desejo de Ayuso de fazer de Madrid uma referência de ‘progresso e liberdade’.

Madrid alarga o bónus de herança e doação entre irmãos, tios e sobrinhos para 25%

Na Itália, se rendeu aos seus políticos

Por seu lado, o jornal italiano ‘Corriere della Sera’ dedica uma entrevista a Isabel Díaz Ayuso na qual a presidente madrilena recorda mais uma vez os seus ‘pilares’ quando governava a região:

“Mais liberdade, menos impostos, o futuro da Espanha pertence ao centro-direita e Madrid é um exemplo disso.”

O subtítulo desta entrevista deixa claro que as intenções de Ayuso no momento não estão voltadas para a disputa pela liderança nacional. “Eu primeiro-ministro? Não, agora.”

“Mais liberdade, menos impostos, o futuro da Espanha pertence ao centro-direita e Madrid é um exemplo disso.”

Precisamente neste sábado, Díaz Ayuso, encontra um grupo de empresários e empresários da região italiana de Veneto, como parte de sua viagem de trabalho a esta parte da Itália. A reunião está marcada para as 16h30. Mais tarde, às 18h30, o Presidente da Comunidade de Madrid participa no colóquio “Liberdade ou Medo”.

Este é o ato central da conferência realizada em Veneza sob o título “Chamando as coisas pelo nome correto”, por ocasião da entrega do prêmio Luigi Amicone, que presta homenagem ao jornalista italiano falecido em 2021.

Cristiano Cunha

"Fã de comida premiada. Organizador freelance. Ninja de bacon. Desbravador de viagens. Entusiasta de música. Fanático por mídia social."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.