Fecicam recebe 181 obras incluindo 60 internacionais

O Emerging Spanish Film Festival, FECICAM, recebeu 181 obras de 21 países. A Espanha é o país com mais obras gravadas, seguida de Taiwan, França, Irã e Estados Unidos.

A organização do festival, que encerrou o prazo de recebimento de filmes em 31 de julho, destaca a qualidade e a boa receptividade das duas novas seções, ocupando mais de 10% do total de projetos inscritos. A direção da FECICAM está entusiasmada com o nível criativo dos filmes recebidos, onde se destacam as questões sociais.

A seção oficial de Castilla-La Mancha recebeu 11 curtas-metragens e 5 documentários. Na seção nacional, o festival recebeu 80 curtas-metragens, 14 obras de cinema social, 6 na Fecicam Off, 3 pilotos de séries e 2 infantis na Babycam. Por fim, 60 filmes concorrem na seção internacional.

Em termos de origem, 121 filmes têm cachê espanhol, seguidos de Taiwan (17), França (10), Irã (9), EUA e Portugal apresentam 3 obras respectivamente, além de Armênia e Portugal, Argentina (2). Também foram recebidos trabalhos da Ucrânia, Turquia, Tunísia, Sérvia, Holanda, Marrocos, Malásia, Irlanda, Grécia, Finlândia, Egito, Equador e Brasil.

Esta 13ª edição do Emerging Spanish Film Festival será realizada de 27 de setembro a 1º de outubro em Ciudad Real, onde cineastas emergentes de todo o país se reunirão para compartilhar seu trabalho e estabelecer sinergias com profissionais do setor. O festival também oferecerá master classes, shows e atividades gastronômicas para seus visitantes.

A FECICAM torna-se assim uma obrigação para o cinema espanhol emergente e inovador, como um evento exclusivo em nosso país, enriquecendo os setores cultural, turístico, hoteleiro e comercial de Castilla-La Mancha.

O júri da FECICAM atribuirá os seguintes prémios e menções: Melhor Curta Nacional, Melhor Curta Internacional, Melhor Curta CLM, Melhor Documentário CLM, Melhor Curta CLM Jovem Iniciante, Melhor Série, Melhor Curta Babycam, Melhor Curta-Metragem Social , Menção de Melhor Curta-Metragem Fecicam Off.

O Prêmio do Público será determinado pelo voto popular do público presente nas exibições do Festival.

Esta 13ª edição conta com o apoio da Fundação Impulsa, Conselho Comunitário de Castilla-La Mancha, Prefeitura de Ciudad Real, Posto de Turismo de Ciudad Real, Castilla-La Mancha Media, Radio Televisión Española, Studio Alvar Vielsa, Eyewear Distribuição, Maison du Cinema. e Audiovisual de Ciudad Real e a colaboração especial do Conselho Provincial de Ciudad Real, Film Office Ciudad Real, Colectivo Hemocianina, Pyramide Creaciones e Living Room.

Cristiano Cunha

"Fã de comida premiada. Organizador freelance. Ninja de bacon. Desbravador de viagens. Entusiasta de música. Fanático por mídia social."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.