Hospitais e CDIs reabilitados em Portuguesa

Reparos completos são realizados em hospitais e Centros de Diagnóstico Integral (CDI) no Estado de Portuguesa, graças ao Plano de Reabilitação e Manutenção realizado pelo Ministério do Poder Popular para a Saúde, Interior e Prefeituras para adequar e humanizar os espaços em que serviços de saúde gratuitos são fornecidos à população.

Impermeabilização de coberturas, correção de vazamentos em paredes, pintura de espaços internos e externos, construção de novos banheiros, áreas de descanso e espera, bem como climatização e iluminação LED fazem parte dos trabalhos realizados em doze hospitais e CDIs, entre eles: CDI El Progreso e Leônidas Ramos (Guanare), El Playón (Santa Rosalía) e Padre Esteller (Píritu).

No terceiro nível de atenção, estão em andamento trabalhos no pronto-socorro do Hospital Esteller (Píritu) e nos hospitais de Guanare e Acarigua-Araure, onde está sendo retomada a infraestrutura de serviços essenciais como oncologia, emergência e internação pediátrica, neonatologia e internação de adultos.

Anteriormente, foram atendidas e consolidadas as salas de cirurgia do Hospital Miguel Oráa (Guanare), bem como a emergência de adultos e a unidade coronariana do Hospital Jesús María Casal Ramos (Acarigua-Araure). segundo o governador primitivo Cedeno“a unidade coronária já está a 100%” e quanto à emergência “é bom que as pessoas digam que cuidam bem, que é limpo e que o serviço é de primeira”, afirmou.

Reconstrução de espaços pediátricos em hospitais e CDIs

Uma nova sala de emergência e internação pediátrica está sendo construída no Hospital Acarigua-Araure, com banheiros e banheiros, tomadas de oxigênio na parede e todos os equipamentos necessários para garantir o atendimento de mais de 40 crianças.

O presidente regional anunciou que a zona “estará operacional antes do final deste ano”, garantindo atendimento médico especializado às crianças que merecem ficar confinadas no centro de assistência.

Ele também informou sobre a unidade neonatal, que está sendo reabilitada. Ele disse que após a conclusão da obra, 30 incubadoras serão incorporadas para garantir suporte de vida aos recém-nascidos que dela necessitem.

Os trabalhos na enfermaria começaram com a impermeabilização do telhado e seguem com a construção de uma área exclusiva para mães, com banheiros, salas de higiene pessoal e cadeiras para amamentação.

O projecto prevê tanto a reabilitação completa das infra-estruturas como o fornecimento dos equipamentos necessários para optimizar as condições de cuidados nos hospitais, bem como os cuidados e apoio aos recém-nascidos e mães.

Recuperação do bunker de oncologia

Outro espaço prioritário em Portuguesa no plano de reabilitação e manutenção dos centros de saúde é o bunker de oncologia do Hospital Miguel Oráa, em Guanare, cuja infraestrutura é recuperada com recursos do Conselho Federal de Governo (CFG). “As obras civis estão quase prontas”, disse o governador Primitivo Cedeño.

No final dos trabalhos, o Executivo Regional vai gerir a reparação dos equipamentos para reactivar os serviços de radioterapia e braquiterapia no principal centro de atendimento de Portuguesa e garantir o tratamento e controlo dos doentes oncológicos.

Mais máquinas de diálise

Para os renais, também há boas notícias em Portuguesa, pois segundo Cedeño, novas máquinas serão integradas à unidade de diálise do hospital Acarigua-Araure.

Além disso, a unidade de diálise Seneca, sediada na Avenida Alianza com as ruas 23 e 24 de Acarigua, foi impermeabilizada para garantir o atendimento aos mais de 100 pacientes que ali realizam seus tratamentos.

A reforma do telhado foi realizada pela Prefeitura, com o apoio da Gran Misión Barrio Nuevo Barrio Tricolor, e incluiu a substituição de mais de 300 metros quadrados de camada asfáltica e a instalação de um revestimento de tinta elastomérica para maior durabilidade.

Francisco Araújo

"Nerd de álcool. Leitor. Especialista em música. Estudante típico. Jogador irritantemente humilde. Especialista em zumbis. Solucionador de problemas sutilmente encantador."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *