TAAG retoma voos diretos para Cuba com a maior aeronave da sua frota

A TAAG Linhas Aéreas de Angola reviu agora o seu horário de voos com alterações significativas nas rotas intercontinentais de Luanda como parte do seu plano de crescimento sustentável.



Respectivamente, serão reabertas as ligações a Havana e a nova ligação Luanda – Madrid, inaugurada em Junho deste ano, aumentará os voos semanais em resposta à crescente procura e ocupação aérea.

Durante a pandemia, a rota para Cuba foi interrompida e criadas as condições para retomar o contacto entre os dois países que partilham fortes laços históricos (principalmente durante a Guerra da Independência de Angola, Cuba enfrentaria o apoio das tropas portuguesas) e a troca de passageiros, ou seja, angolanos do sector empresarial (médicos e professores cubanos) Turismo, educação e viagens de saúde dentro e fora do território.

A partir de 8 de novembro, os voos Luanda – Havana operados pelo Boeing 777-300ER, o maior avião da companhia com 293 lugares, vão retomar os voos com quinze frequências em novembro, frequências semanais em dezembro e novamente frequências quinzenais em fevereiro de 2023. .

As rotas para Madrid continuam a ser operadas por um Airbus A330-200 alugado à sua tripulação pela portuguesa Highfly, que transporta 298 passageiros, e o novo voo terá três frequências semanais adicionais às terças-feiras.

Com informações do serviço de imprensa da TAAG



Cristiano Cunha

"Fã de comida premiada. Organizador freelance. Ninja de bacon. Desbravador de viagens. Entusiasta de música. Fanático por mídia social."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *