Cristiano Ronaldo está a superar a depressão, segundo a sua psicóloga

Bastava um empate, mas um golo de Álvaro Morata no final separou Portugal da Liga das Nações e colocou o Cristiano Ronaldo em crise de confiança às vésperas da Copa do Mundo de 2022 no Catar.

A forma física atípica de Cristiano e as escolhas tácticas do treinador Fernando Santos são agora objecto de debate em Portugal, que duvida do estado das suas “quinas” a poucos meses do arranque do Mundial.

A imagem de um cristão desesperado, acompanhada de manchetes como ‘Triste fado’ ou ‘Perdido’,
dominou as primeiras páginas da imprensa portuguesa nesta quarta-feira, refletindo um sentimento geral de desilusão sentido no país com a equipe.

E em meio a essa situação, a imprensa revelou uma intimidade de ‘CR7’: as razões pelas quais você consultou um renomado psicólogo.

(Não pare de ler: Pique: o retumbante ‘NÃO’ que teria afetado o relacionamento e os pactos com Shakira).

‘Cristão, sombra de si mesmo’

Cristiano Ronaldo, após colidir com o goleiro da República Tcheca.

Foto:

Miguel A. Lopes. Eph

O capitão e figura máxima de Portugal, obviamente irritado e frustrado com o fim do confronto com a Espanhafoi uma sombra de seu antigo eu em ambos os jogos da Liga das Nações, mostrando uma falta de ritmo incomum.

Apesar de não ter participado da pré-temporada e ter pouco tempo de jogo no Manchester United, Cristiano foi titular nos dois jogos da Liga das Nações e jogou todos os minutos.

Contra a República Checa, ele causou um pênalti e desperdiçou várias chances que geralmente são um tiro certeiro em seus pés, embora tenha se redimido com uma assistência para a final de 0-4.

No jogo contra a Espanha, Cristiano voltou a mostrar que não está em boa forma física a que os portugueses estão habituados, mais uma vez desperdiçando várias oportunidades de golo e falhando passes para os seus companheiros que podem mudar o rumo do jogo.

(Também: Georgina Rodríguez falou sobre a morte de seu bebê: “O pior momento da minha vida”)

Agora, com este panorama ao fundo, Jordan Peterson, um famoso psicólogo canadiano, revelou que se encontrou com Ronaldo nos últimos dias para falar “sobre o que quer para o futuro e alguns dos obstáculos que enfrenta”.

Parece, ‘CR7’ está pensando em como lidar com o momento difícil e considera sua aposentadoria em alguns anos.

“Cristiano me convidou para ir à casa dele para vê-lo. Ele teve problemas por alguns meses e um amigo dele lhe enviou alguns dos meus vídeos“, explicou a profissional durante uma conversa com Talk TV.

Na sequência destas declarações, alguns meios de comunicação social lançaram-se a dizer que ‘CR7’ sofre de depressão. Pelo que dizem, perder o filho há alguns meses causou a doença. No entanto, isso não foi confirmado.

Mais notícias esportivas

ESPORTES
*Com EFE

Cristiano Cunha

"Fã de comida premiada. Organizador freelance. Ninja de bacon. Desbravador de viagens. Entusiasta de música. Fanático por mídia social."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *